Tema Livre

TRABALHOS APROVADOS > RESUMO

O emprego da vasopressina e o aumento de corações transplantados: Há beneficio?

Caroline Curtis Solarenco , Andre Feldman, Cesar Augusto Marcelino Guimarães Marcelino, Layse Beneli Prado , Katia Lacerda de Souza, Andressa Gagliardo Matayoshi, Herminia Ricci, Jaqueline Ester Alves, Georgia Pereira Silveira Souza, Andrea Cotait Ayoub
INSTITUTO DANTE PAZZANESE DE CARDIOLOGIA - - SP - BRASIL

Introdução:O transplante cardíaco continua sendo tratamento padrão ouro para pacientes com cardiomiopatia terminal refratária ao tratamento clínico. Entretanto, a escassez na oferta de corações viáveis tem sido um fator limitante ao número de transplantes estando a manutenção do doador diretamente associada a este significativo problema de saude pública. O uso da arginina vasopressina (AVP), recomendada pelas diretrizes nacionais e internacionais, otimiza hemodinamicamente o doador de órgãos. Dessa forma, objetivou-se verificar a associação da AVP a uma maior utilização de enxertos cardíacos.Métodos:Estudo retrospectivo, de 2013 a 2016, a partir da análise de dados de doadores de órgãos de uma Organização de Procura de Órgãos e Tecidos (OPO) do estado de São Paulo.As variáveis quantitativas foram analisadas pelo teste de Mann-Whitney e as qualitativas pelo teste exato de Fischer. Utilizou-se ainda, a regressão logística para avaliar se a AVP influenciou um aumento do número de corações efetivados independentemente das variáveis noradrenalina e idade. Resultados: 329 doadores foram analisados, idade média de 44,5 anos, 59,9% do gênero masculino e 56,8% da raça branca . Com relação à etiologia da morte encefálica (ME), 44,4% apresentaram causas de morte cerebrovasculares. Do total, 173 (52%) doadores receberam AVP com o aproveitamento de 46 (27%) dos corações ofertados. Verificou-se, ainda, que a utilização de vasopressina aumentou em até duas vezes (p= 0,046) a chance de utilização dos corações, independentemente das variáveis de controle idade e uso de noradrenalina. Conclusão: A utilização da AVP na manutenção dos doadores mostrou aumentar de maneira significativa a utilização de enxertos cardíacos para transplante. 

Realização e Secretaria Executiva

SOCESP

Organização Operacional

Malu Losso

Organização Operacional Expositores

JA Eventos

Organização Científica

SD Eventos

Montadora Oficial

Estande Feiras e Congressos
Estrutural

Agência Web

Inteligência Web

XXXVII Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo

26, 27 e 28 de maio de 2016 | Transamerica Expo Center | São Paulo - Brasil